CORONAVÍRUS (COVID-19) BOLETINS EPIDEMIOLÓGICO FORQUILHACEARÁBRASIL UMA LUTA DE TODOS NÓS

Batata inglesa tem variação de preço de até 225,76% em Fortaleza

O Procon Fortaleza divulgou nesta terça-feira (29), a nova pesquisa com preços de alimentos e produtos. O quilo da batata inglesa é o item que mais alterna de preço, sendo encontrado de R$ 1,98 a R$ 6,45, uma variação de 225,76%. Oito itens também apresentaram variação acima de cem por cento. Os dados foram coletados no dia 21 de Novembro.
Em segundo lugar no ranking das maiores variações vem a água sanitária. O Procon encontrou o mesmo produto e da mesma marca custando de R$ 1,38 a R$ 4,29, ou seja, 210,87% de diferença.
O levantamento do Procon Fortaleza divide os itens entre alimentos de primeira necessidade, produtos de higiene pessoal, produtos de limpeza doméstica e ainda de cuidados infantis.
Entre os alimentos, a cenoura pode ser encontrada de R$ 1,29 a R$ 3,98, conferindo 208,53% de variação. Já o quilo do tomate varia até 194,67%, indo de R$ 1,69 a R$ 4,98.
Se comparada com a pesquisa do mês passado (25 e 26/10), os dados apontam que 25 itens aumentaram no preço médio, enquanto que 22 apresentaram queda no preço médio.
A diretora do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, alerta para compras e despesas extras próximas do fim de ano. “O consumidor deve ter cautela para não comprometer o orçamento familiar, principalmente nesse período em que impostos e matrículas escolas já se aproximam”.
Cláudia Santos lembra que o consumidor deve pesquisar e exigir o cumprimento da oferta anunciada em encartes publicitários. “Se houver divergência no preço do produto exposto na prateleira com o valor apresentado no caixa, é direito do consumidor pagar sempre o menor preço”, explicou a Diretora.
Com Procon

Postar um comentário

Comentários com ameaças, ofensas pessoais, pornografia infantil, conteúdos preconceituosos ou qualquer outro que viole a legislação em vigor no nosso país serão excluídos. Qualquer texto publicado por meio do sistema de comentários não reflete a opinião do Forquilha Portal de Notícias ou de seus autores.

0 Comentários