ÚLTIMAS

LÍDERES DE FACÇÃO CRIMINOSA MORAVAM EM CONDOMÍNIO DE LUXO

Os dois homens identificados como Rogério Jeremias de Simone, conhecido como (Gegê do Mangue) e Fabiano Alves de Souza, conhecido como (Paca), líderes de uma facção criminosa e mortos em uma reserva indígena, localizada no município de Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza, moravam em um condomínio de luxo, no Porto das Dunas. 

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a casa em que os dois homens residiam foi alvo de uma operação de busca e apreensão. 

Segundo a SSPDS, a casa teria sido comprada por um “laranja”, com 10 cheques de R$ 200 mil, totalizando R$ 2 milhões de reais. 

A polícia encontrou ainda vários carros luxuosos na garagem da casa, onde residia Gegê do Mangue e Paca. 

A polícia ainda investiga se os dois teriam outros imóveis registrados em nome de outras pessoas em Fortaleza e na Região Metropolitana. 

Nesta segunda-feira (19), os corpos de Gegê do Mangue e Paca foram liberados. Após serem embalsamados em uma clínica particular, os cadáveres foram encaminhados ao antigo aeroporto, no bairro Vila União, onde seguiram para São Paulo em um voo fretado. 
Fonte: Cnews

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários serão publicados após aprovação.
Comentários com ameaças, ofensas pessoais, pornografia infantil, conteúdos preconceituosos ou qualquer outro que viole a legislação em vigor no país serão excluídos.

Todo e qualquer texto publicado por meio do sistema de comentários não reflete a opinião do Forquilha Portal de Notícias ou de seus autores.